Neste meu espaço aberto, está exposto um livro incompleto......

14
Jun 10

Não queria ser profeta

Para o destino prever

Mas ter o dom do poeta

E lindas palavras te escrever

 

 

À minha filha.....

 

Vi há pouco o teu sorriso

E tão fundo ele me tocou

Li teu olhar terno e amigo

Que nem o tempo mudou

 

De outrora então lembrei

Teus caracóis soltos ao vento

De ti pequenina, e eu pensei

Explicar-te este sentimento

 

Em quente tarde de Verão

Quando minha janela se abriu

Dentro do meu coração

Brilhante estrela caiu

 

E é com um singelo desejo

E este não tem idade

Poder ter sempre ensejo

De ver a tua felicidade

 

 

Um enorme beijo de parabéns!

JP

publicado por noitesemfim às 01:11
sinto-me:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
pesquisar
 
subscrever feeds