Neste meu espaço aberto, está exposto um livro incompleto......

05
Set 09

Voei um dia nas asas de um desejo

Simples, singelo, de afagar um rosto

E nesse desejo, como em mar flutuei 

Amarras soltas e em nuvens dormi

Preso depois, a outros desejos

Profundos, belos, desejos, enfim

Sonhos feitos, promessas e devaneios

Pressas e calmas, montes e vales

Verdes esperanças, vermelhos receios

Mil cores povoam dias e noites

 

Voei um dia nas asas de um desejo

Simples singelo, de afagar um rosto

Do rosto surgiu a mão, o colo e o corpo

E dos lábios surgiu o inteiro desejo

Que muda um adeus num até logo

Transforma um instante em momentos

Desejos a prolongar em resto de vida

A vida a rolar lentamente na ausência

A correr nos fugazes momentos

Em que mil cores povoam dias e noites. 

 

 

 

publicado por noitesemfim às 22:21

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
30


mais sobre mim
blogs SAPO
pesquisar
 
subscrever feeds