Neste meu espaço aberto, está exposto um livro incompleto......

30
Jun 09

DO PRINCÍPIO ATÉ AO FIM......

 

Desde que irrompeu pelo meu caminho, tornou-se impossivel imaginar a vida sem a sua presença de forma constante. Quando não está por perto sou invadido pela profunda sensação de estar vazio, sensação de vácuo de desorientação de rumar sem destino. Falta-me o chão, a segurança transmitida pelo olhar sorrindo em concordância ou não.

Falta-me o céu e os sonhos são breves, demasiado breves.

A vida, a minha vida é o meu amor que me faz melhor, mais carinhoso, mais gentil, e é em si que encontro a força para respirar e mater vivo o corpo.

A minha vida é o meu amor, sendo ele TU.

 

Autor: Eu mesmo

Dedicatória: Ao meu Amor 

publicado por noitesemfim às 00:45

Que Feliz Destino o Meu

 

 

MOTE

«Que feliz destino o meu
Desde a hora em que te vi;
Julgo até que estou no céu
Quando estou ao pé de ti.»

GLOSAS

Se Deus te deu, com certeza,
Tanta luz, tanta pureza,
P'rò meu destino ser teu,
Deu-me tudo quanto eu queria
E nem tanto eu merecia...
Que feliz destino o meu!   

Às vezes até suponho
Que vejo através dum sonho
Um mundo onde não vivi.
Porque não vivi outrora
A vida que vivo agora
Desde a hora em que te vi.

Sofro enquanto não te veja
Ao meu lado na igreja,
Envolta num lindo véu.
Ver então que te pertenço,
Oh! Meu Deus, quando assim penso,
Julgo até que 'stou no céu.

É no teu olhar tão puro
Que vou lendo o meu futuro,
Pois o passado esqueci;
E fico recompensado
Da perda desse passado
Quando estou ao pé de ti.

António Aleixo in Este Livro que Vos Deixo

publicado por noitesemfim às 00:13

Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12

16
17
18

21
23
24
25
26
27



mais sobre mim
blogs SAPO
pesquisar
 
subscrever feeds